Artes com reciclagem: artesanato e sustentabilidade





Artes com reciclagem:  artesanato e sustentabilidade


 Você pode encontrar arte reciclada em uma pintura, em uma escultura, na alta costura ou nos móveis de uma casa. Além disso, neste caso, os valores ambientais, em termos de reciclagem e reutilização do material, são tão valiosos quanto o próprio trabalho.

A Bar at the Folies Bergere After de Edouard Manet, por Vik Muniz. Foto: magriniartes

Dentre os benefícios da arte reciclada para o meio ambiente, destaca-se, por exemplo, sua contribuição para o aproveitamento e prolongamento da vida útil dos materiais e, portanto, para a redução do número de resíduos. É preciso muita criatividade e uma certa técnica para trabalhar com esses materiais. Mas isso não é tudo, porque os artistas que criam esse tipo de trabalho também devem se fazer uma série de perguntas antes de aceitar o desafio: o consumo de energia para criar o trabalho será excessivo? Os materiais a serem usados ​​são realmente um desperdício? Qual porcentagem do meu trabalho será perdida? O trabalho trará um benefício ambiental?

O consumidor deste tipo de arte não só terá obras atrativas pelo seu valor artístico, mas também terá o incentivo de ter contribuído para o bem-estar do planeta ao dar uma segunda vida a um material que de outra forma não teria esta. Esse movimento também é uma ferramenta educativa muito interessante para conscientizar a sociedade, principalmente as crianças, sobre as consequências de nossas ações no meio ambiente e a importância da reciclagem.

Reutilizar garrafas pet, latas de alumínio, potes de conserva e até mesmo CDs velhos e sem uso, além de ajudar a diminuir o problema do lixo descartado que acaba nos oceanos e mata milhares de animais, também pode ser uma fonte de renda. E quem já faz esse tipo de trabalho diz que também é uma excelente terapia.

 Jane Perkins


A artista britânico Jane Perkins cria diversas obras de arte utilizando objetos do cotidiano que seriam jogados no lixo, como bolas de gude, brinquedos ou botões recolhidos em centros de reciclagem, brechos e ferros-velhos.


Quando você reutiliza um objeto que seria jogado fora e o transforma em outra coisa, você está contribuindo para uma cadeia sustentável.

E se você pretende transformá-lo em um negócio, comece economizando nos equipamentos de produção necessários, afinal, você usará o que foi perdido! O nome disso é artesanato sustentável.

Você está fazendo a sua parte?
Existem maneiras simples e caseiras de reutilizar certos materiais. Uma forma de fazer a reciclagem doméstica é reaproveitar garrafas plásticas, já que é possível fazer objetos decorativos e úteis com esse tipo de material. Outro exemplo é o óleo de cozinha ou óleo de fritura, que pode se tornar um sabão de excelente qualidade. E, por fim, quem mora em áreas com quintal grande e, com muito terreno, também poderá enterrar boa parte do lixo orgânico, que será transformado em adubo natural.
Esses tipos de hábitos oferecem a oportunidade de criar um hobby saudável e a conscientização da conservação da natureza. A verdade é que a grande maioria dos materiais simplesmente jogamos fora? Mas, devemos ser reciclar.
No caso de empresas ou instituições geradoras de resíduos, o trabalho deve ocorrer a partir da produção, separação, armazenamento e coleta por empresas especializadas nestes resíduos. Respeite as atribuições legais e a responsabilidade compartilhada pelos resíduos gerados.
A reciclagem é parte fundamental da preservação e melhoria do nosso planeta!

Combinar o artesanato com a consciência ambiental é uma maneira eficaz de envolver a comunidade e garantir que os esforços de conservação dos recursos naturais sejam interativos. A produção artesanal pode desestimular o consumo excessivo, oferecendo, por meio do reaproveitamento de materiais, uma forma de resistência à obsolescência programada.

A principal característica do artesanato é a produção manual de objetos e artefatos predominantemente utilitários. Esses produtos são únicos e contêm marcas de uma cultura específica, atestando a conexão entre o homem e o meio social em que vive.

Criar peças de arte a partir de materiais que seriam desperdiçados é uma prática que pode proporcionar uma oportunidade de geração de renda. Garrafas "pet", latas de alumínio e aço, jornais, recipientes de vidro, coadores de papel, gaxetas de alumínio, embalagens de papelão e "tetra-pac", além de inúmeros outros materiais podem ser aplicados, com baixo custo e resultados surpreendentes. , transformando o que era considerado “lixo” em objetos de decoração e utilidade doméstica.

Se você gostou desta postagem também pode se interessar pelos temas abaixo:

Artesanato sustentável
Obras de arte com material reciclado
Artistas que usam material reciclado em suas obras
Artesanato sustentável o que e
Arte com material reciclado
Arte sustentável
Artistas portugueses que transformam lixo em arte
Objetos feitos com material reciclado fácil

Crédito nas imagens









Postar um comentário










© Molde para Artesanato. All rights reserved. Developed by Jago Desain